Agende seu Atendimento Virtual pelo Departamento Jurídico do Sepe nos fones: (21) 99992-4931 (9h às 11h); (21) 97133-7101 (13h às 15h); ou pelo email: juridico@seperj.org.br – segunda a sexta feira

No dia 15/06/2021, às 17h, realizou-se a assembleia virtual da rede municipal do RJ. 388 profissionais da educação inscreveram-se para participar da fase de debate e de votação. Na primeira fase de debate, a assembleia alcançou cerca de 224 participantes. A reunião foi aberta com os seguintes informes: depto jurídico, reunião do Sepe com o mandato do deputado estadual Flavio Serafini e médicos da FIOCRUZ e mobilização das merendeiras terceirizadas da prefeitura RJ. Também foi dado informe sobre os contatos com a SME já que ainda não houve audiência ou resposta do secretário de educação às solicitações da greve pela vida.

 

Logo depois, a mesa coordenadora apresentou a dinâmica da assembleia. Também foi informado que os profissionais da educação inscritos nessa assembleia estão automaticamente inscritos para a próxima assembleia da rede municipal RJ, dia 21/06/21, reabrindo-se o processo para quem não se inscreveu ainda. Houve 10 falas para realizar o debate. Foram lidas e postadas as perguntas da plataforma de votação e as propostas das regionais, plenárias e direção do Sepe Central, aprovadas, posteriormente, no chat da assembleia. A seguir as propostas aprovadas:

 

 

Plenária dos AAEEs – 09/06/2021 – 52 presentes

 

 

  1. Teletrabalho – categoria pede revisão do benefício internet, porque tal benefício foi o valor do transporte retirado dos profissionais que estão no remoto; a categoria foi convocada desde agosto de 2020, não receberam a passagem e usou internet para participar de cursos e convocação de reunião nas unidades.

 

  1. 2. Escolaridade – promover debates com jurídico para o reconhecimento no quadro do magistério.

 

  1. Criar fórum de debates ou grupo de estudos no Sindicato para fortalecer a Educação Inclusiva.

Assembleia Regional 3 – 10/06/2021 – 14 presentes.

 

  1. Que haja negociação em relação à perda de origem, descontos salariais, processos administrativos, antecipação do recesso escolar, cumprimento de protocolos sanitários, mudança no protocolo da SME: 1 pessoa com covid fecha a escola, pelo menos pelo tempo de testagem e rastreamento de outros possíveis casos.

 

  1. Que o SEPE oriente às comunidades escolares a debaterem sobre a forma de avaliação e reflexão sobre o ensino remoto – indicar circular Nº 20 DE 14/10/20 que fala sobre avaliação diagnóstica.

 

 

Reunião NEEI – 12/06/21 – 18 presentes.

 

  1. TV SEPE – Avaliação com Adriana Correa e mais uma convidada 13/07/2021.

 

  1. Realizar TV Sepe sobre os 10 anos do cargo de PEI 01/07/21.

 

  1. Que a categoria escreva suas experiências nesse período para fazer um dossiê do NEEI.

 

  1. Realizar Plenária de PEIs 23/06.
  2. Realizar Plenária Unificada da EI 30/06.

 

  1. Fazer parceria do SEPE com curso de extensão da Adriana (Vozes da infância na pandemia) e/ou indicar um tema para realizar um curso. Propostas de tema:

Sabia que tá na lei? (Direitos das Crianças e dos Profissionais da Educação Infantil)

Educar e Cuidar, de onde tiramos isso?

 

  1. Próxima roda 10/07/2021 Reunião de Avaliação

 

  1. A rede municipal RJ apoia o protesto das merendeiras terceirizadas, dia 16/06, às 10h, na Prefeitura.

 

 

  1. CALENDÁRIO

 

16/06 – Ato das merendeiras terceirizadas, às 10h, na Prefeitura.

 

17/6 – Ato simbólico, coletiva com imprensa e comitiva de vereadores para cobrar respostas e audiência sobre a greve pela vida. Com transmissão ao vivo. 11h (diretoria Sepe Central).

 

21/6 – Nova Assembleia da Rede Municipal RJ. 17h (diretoria Sepe Central).

 

23/06 – Plenária de PEIs.

 

30/06 – Plenária Unificada da Educação Infantil.

 

01/07 – TV Sepe sobre os 10 anos do cargo de PEI.

 

10/07/2021 – Reunião de Avaliação do NEEI.

 

 

Por fim, a mesa leu e encaminhou as propostas da plataforma de votação. Houve defesa contrária e favorável à proposta de dissídio. Não houve defesa favorável à suspensão da greve pela vida. Logo depois, iniciou-se o processo de votação na plataforma virtual até às 22h. Com um total de 258 votantes, o resultado da votação foi:

 

 

1ª pergunta – Sobre a greve pela vida

Em virtude de não haver resposta ainda sobre o processo de negociação em curso com a prefeitura, conforme o conteúdo aprovado na assembleia anterior – “Considerando a audiência com a SME, realizada em 10/06, a assembleia da Rede Municipal RJ aprova a suspensão da greve caso a prefeitura do Rio de Janeiro antecipe o recesso escolar do mês de julho e aceite as seguintes propostas: o fim dos inquéritos administrativos, o abono das faltas para fins funcionais, a devolução dos salários descontados, a definição do fechamento por 14 dias das escolas após a detecção de 1 caso de COVID” –, esta assembleia da rede municipal RJ aprova:

 

Manutenção da greve em defesa da saúde e da vida contra o retorno presencial das atividades escolares e com a manutenção das atividades remotas.

 

156 votos (60,5%) APROVADO

 

 

Suspensão da greve em defesa da vida.

 

65 votos (25,2%)

 

 

Abstenção

 

37 votos (14,3%)

 

 

2ª pergunta – Sobre o dissídio

 

Esta assembleia referenda que a direção do Sepe Central entre com dissídio judicial sobre a greve pela vida.

72 votos (27,9%)

 

Esta assembleia referenda que a direção do Sepe Central abra o processo de dissídio caso as negociações relacionadas à punição dos servidores em greve não seja resolvida pela via da negociação com a prefeitura.

 

150 votos (58,1%) APROVADO

 

Abstenção

 

36 votos (14%)

0

Matéria do Jornal Extra publicada neste domingo (dia 13/6) mostra que o estado do Rio de Janeiro teve crescimento da média móvel de mortes por covid 19, que passou a ser de 209 mortes por dia. Segundo dados da Secretaria de Estado de Saúde, em relação a duas semanas atrás, a média móvel teve um aumento de 40% no número de mortes pelo segundo dia seguido, o que indicaria uma tendência de crescimento na intensidade do contágio no estado que já acumula 52.998 mortes pela doença e cerca de 906 mil pessoas infectadas.

 

O anúncio deste aumento de casos no Rio de Janeiro ocorre num momento em que os governos estadual e municipais mantém uma postura vacilante em relação à adoção de medidas mais fortes de isolamento social que impeçam o aumento da circulação de pessoas nas ruas, como o fechamento do comércio e das escolas. Na sexta-feira (dia 12/6), a Secretaria Estadual de Saúde colocou a maior parte do Estado do Rio de Janeiro em bandeira laranja. Isto significa que muitos municípios, um total de 41, estariam aptos a abrir escolas da rede estadual de ensino, o que pode acarretar na contaminação de mais pessoas e aumentar o número de mortes.

Veja a matéria completa do Extra pelo link:

https://extra.globo.com/noticias/rio/estado-do-rio-em-alta-de-40-na-media-movel-de-obitos-por-covid-19-25059621.html

0

O Sepe RJ informa aos profissionais das escolas municipais que estão abertas as inscrições para a assembleia virtual da rede municipal do Rio, que será realizada no dia 15/06, 17h, pela rede Zoom. Participe!

Veja os detalhes para a inscrição:

 

PERÍODO DE INSCRIÇÃO: as inscrições já estão abertas e o término será às 22h da quinta-feira (dia 10 de junho)

 

  1. a) A INSCRIÇÃO será feita por meio do seguinte LINK: https://rio.seperj.info/av/assembleia-rede-municipal-rj-15-06-terca-feira-17h/

 

  1. b) Caso não esteja ainda cadastrado o profissional será encaminhado para preencher o formulário de cadastramento (será solicitado envio de contracheque digitalizado da rede em questão);

 

  1. c) No prazo de até 24 horas será informada a aprovação (ou não) de seu cadastro;

 

  1. d) Após a aprovação do cadastro o profissional receberá uma mensagem de e-mail com a confirmação da inscrição e link para ativação de sua senha (confira nas Caixas de Spam ou de Promoções);

 

  1. e) No dia da assembleia o profissional devidamente cadastrado e com a senha ativada receberá por e-mail links de acesso a plataforma Zoom e para votação de propostas.
0

No dia 11/06/2021, às 17h, realizou-se a assembleia virtual da rede municipal do RJ. 387 profissionais da educação inscreveram-se para participar da fase de debate e de votação.

 

Na primeira fase de debate, a assembleia alcançou cerca de 207 participantes. A reunião foi aberta com os seguintes informes: departamento Jurídico e audiência do SEPE com a SME RJ. Logo depois, a mesa coordenadora apresentou a dinâmica da assembleia e apresentou a proposta síntese aprovada na diretoria do SEPE RJ.

 

Houve 10 falas no debate. Por fim, a mesa leu e encaminhou as defesas da proposta da plataforma de votação com defesa contrária e favorável. Logo depois, iniciou-se o processo de votação na plataforma virtual até às 22h. Com um total de 254 votantes, o resultado da votação foi:

 

Pergunta: Considerando a audiência com a SME, realizada em 10/06, a assembleia da Rede Municipal RJ aprova a suspensão da greve caso a prefeitura do Rio de Janeiro antecipe o recesso escolar do mês de julho e aceite as seguintes propostas: o fim dos inquéritos administrativos, o abono das faltas para fins funcionais, a devolução dos salários descontados, a definição do fechamento por 14 dias das escolas após a detecção de 1 caso de COVID. Essa posição será referendada na próxima assembleia do dia 15/06/21.

 

SIM – 181 votos (71,3%) APROVADO

 

NÃO – 52 votos (20,5%)

 

ABSTENÇÃO – 21 votos (8,3%)

0

Em Assembleia virtual realizada nesta sexta-feira (dia 11/6), os profissionais da rede municipal do Rio de Janeiro aprovaram a seguinte deliberação:

1

Considerando a audiência com a SME, realizada em 10/06, a assembleia da Rede Municipal RJ aprova a suspensão da greve caso a prefeitura do Rio de Janeiro antecipe o recesso escolar do mês de julho e aceite as seguintes propostas: o fim dos inquéritos administrativos, o abono das faltas para fins funcionais, a devolução dos salários descontados, a definição do fechamento por 14 dias das escolas após a detecção de 1 caso de COVID. Essa posição será referendada na próxima assembleia do dia 15/06/21.


181 votos (71,3%):  Sim

52 votos (20,5%):  Não

21 votos (8,3%):  Abstenção




0

Os profissionais da rede municipal de educação de Piraí estão denunciando a prefeitura que, ao contrário de todos os outros municípios do entorno, não está promovendo a imunização da categoria, nem apresentou até o momento um calendário de vacinação para os trabalhadores das escolas municipais.

 

Desde fevereiro, nem a prefeitura ou a Secretaria Municipal de Educação respondem aos ofícios enviados pelo Sepe Piraí, solicitando o estabelecimento imediato de um calendário de vacinação para o pessoal da Educação municipal. Além de não vacinarem os professores e funcionários da escola, o município não dialoga com o sindicato nem apresenta uma solução para o problema. O Sepe Piraí já foi informado de maneira verbal pela Secretaria Municipal de Saúde de que o órgão não poderia vacinar os profissionais de educação e deixar a população sem a segunda dose das vacinas.

 

Paralelamente, a Secretaria de Educação está convocando os professores para correções presenciais nas escolas.

 

A categoria está em greve das atividades presenciais desde 01/03 e por causa da falta de uma posição da prefeitura sobre a vacinação dos profissionais da rede municipal pode entrar em greve geral (atividades presenciais e remotas) a qualquer momento. Desde o dia 22 de maio, os profissionais da rede municipal de Piraí estão fazendo uma campanha com objetivo de sensibilizar a sociedade para a importância da vacinação da nossa categoria.

 

Veja detalhes da campanha pelo link: https://www.facebook.com/sepe.pirai 

0

O Sepe RJ realizou um ato simbólico de protesto na prefeitura do Rio de Janeiro no final da manhã desta quinta-feira (dia 10 de junho). O protesto em defesa da saúde e da vida contou com transmissão ao vivo pelas redes sociais do sindicato e foi marcado pela reivindicação dos profissionais das escolas municipais do Rio de Janeiro de fechamento das escolas, vacinação para todos e respeito da parte da prefeitura aos protocolos sanitários para a prevenção da covid-19, em momento de alta no número de casos e de ocupação de leitos de UTI.



0

A prefeitura de São Gonçalo está fechando turmas de primeiro segmento da EJA em 10 escolas da rede municipal. Num momento em que cada vez mais a educação pública sofre com o corte de verbas e falta de investimentos, a medida do governo municipal de São Gonçalo só pode ser vista com repúdio, pois representa um retrocesso nos direitos da população à educação pública de qualidade para jovens e adultos.Veja abaixo a relação de escolas que tiveram fechamento de turmas do primeiro segmento da EJA 2021.

 

C.M Ernani Farias

C.M. Estephania de Carvalho

C.M. Ireno Barbosa Ornelas

E.M. Leonor Correia

.E.M. Luiz Gonzaga

E.M. Prefeito Nicanor Ferreira Nunes

E.M. Raul Veiga E.M. Visconde de Sepetiba

E.M. Guaxindiba

E.M. Mário Quintana

0

Os secretários escolares das escolas da rede municipal do Rio de Janeiro realizaram um protesto na tarde desta terça-feira (dia 8 de junho) na porta da prefeitura. No ato, os secretários exigiram o pagamento imediato da gratificação por desempenho (GD), direitos, vacinas para todos, além de denunciarem a falta de cumprimento dos protocolos sanitários por parte do governo municipal nas escolas.
 

0

O Sepe informa aos profissionais de educação da rede municipal do Rio de Janeiro que as inscrições para a assembleia geral virtual da rede, que será realizada na próxima sexta-feira (DIA 11 DE JUNHO), às 17h, já se encontram abertas. Veja pelo link do site do Sepe como se inscrever para a plenária pela rede Zoom, que discutirá os rumos da greve em defesa da saúde e da vida:

 

PERÍODO DE INSCRIÇÃO: as inscrições já estão abertas e o término será às 22h da quinta-feira (dia 10 de junho)

 

a) A INSCRIÇÃO será feita por meio do seguinte LINK: https://rio.seperj.info/

b) Caso não esteja ainda cadastrado o profissional será encaminhado para preencher o formulário de cadastramento (será solicitado envio de contracheque digitalizado da rede em questão);

 

c) No prazo de até 24 horas será informada a aprovação (ou não) de seu cadastro;

 

d) Após a aprovação do cadastro o profissional receberá uma mensagem de e-mail com a confirmação da inscrição e link para ativação de sua senha (confira nas Caixas de Spam ou de Promoções);

 

e) No dia da assembleia o profissional devidamente cadastrado e com a senha ativada receberá por e-mail links de acesso a plataforma Zoom e para votação de propostas.


 

0