destaque-home, Estadual, Todas

CLÁUDIO CASTRO QUER REABRIR AS ESCOLAS MESMO COM O BANDEIRAMENTO VERMELHO PARA COVID EM 36 MUNICÍPIOS DO ESTADO, INCLUINDO A CAPITAL

O Sepe RJ vê com preocupação a reportagem veiculada pelo portal de notícias G1, que anunciou hoje (dia 11/8) que o governador Cláudio Castro afirmou estar preparando um decreto para definir a reabertura das escolas da rede estadual até a próxima sexta-feira, dia 13 de agosto. Desde a segunda-feira, as aulas presenciais na rede estadual foram suspensas na cidade do Rio de Janeiro e mais 35 municípios que voltaram para a bandeira vermelha para a covid-19, por causa do aumento do número de casos e da disseminação da variante Delta que vem se registrando em todo o estado.

 

Os profissionais de educação repudiam a atitude de Castro que, mais uma vez, se alia àqueles que não tem compromisso com a vida humana e com o combate à uma pandemia que já vitimou dezenas de milhares de cidadãos fluminenses.

 

Ao dizer que pretende manter as escolas abertas e que as escolas seriam a última atividade a ser fechada, o governador repete o discurso de outras autoridades, como o prefeito Eduardo Paes (que não as unidades municipais, mesmo com a decretação da bandeira vermelha no município do Rio), que parece não se dar conta ou se importar com os riscos que a volta das aulas presenciais representa para os profissionais de educação, alunos, responsáveis e o conjunto da população.

 

Ao invés de insistir com as autoridades federais para que o Ministério da Saúde acelere a campanha de vacinação e implemente medidas de controle sanitário eficazes em vez de praticar o negacionismo com a pandemia, o governador Cláudio Castro deveria prestar atenção aos alertas do seu comitê científico e da Fiocruz para o risco de agravamento da crise sanitária, com aumento de casos e óbitos.

 

 

Author


Avatar