destaque-home, Todas

PISO NACIONAL DOS PROFESSORES ESTÁ SOB ATAQUE NA CÂMARA DOS DEPUTADOS

Resultado da votação dia 17/08, na Câmara dos Deputados, que impediu (sim) o fim do reajuste com ganho real do Piso Nacional do Magistério

A oposição ao governo Bolsonaro/Guedes conseguiu aprovar, na Câmara dos Deputados, nesta terça-feira (17), por 225 votos, o recurso contra a apreciação conclusiva do Projeto de Lei 3.776/2008, que reajusta o piso salarial nacional dos professores pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) acumulado nos 12 meses anteriores, o que acabaria com o reajuste anual com ganho real.

Dessa forma, o projeto deve ser analisado pelo plenário da Casa e não será submetido diretamente à sanção presidencial, como queria a base governista. A diferença de votos foi de apenas três a favor do recurso: foram 225 votos a favor e 222 contra.

O Sepe alerta à categoria que o PL 3.776/2008 poderá voltar ao plenário a qualquer momento. Dessa forma, pedimos aos professores e professoras que pressionem, desde já, os parlamentares a não aprovarem o projeto em questão e mantenham o texto original do Senado, com o reajuste anual com ganho real.

Lembrando que a essência do Piso é exatamente a valorização salarial dos docentes do ensino basico, e para isso o ganho real ao longo dos anos para que o piso chegue a um valor digno é fundamental. 

SAIBA QUEM VOTOU A FAVOR E CONTRA A REDUÇÃO DO PISO DO MAGISTÉRIO (Quem votou “NÃO” tentou acabar com o Piso do Magistério nesta terça. Quem votou “SIM” votou pela educação).

Author


Avatar